Não há cura conhecida para a síndrome da fadiga crônica (SFC), também chamada de fadiga crônica, síndrome de disfunção imune, os sintomas incluem fadiga debilitante que não melhora com o descanso e pode ser agravada por atividade física ou mental, diminuição da memória de curto prazo ou concentração, dor de garganta, gânglios linfáticos, dores musculares e articulações e dores de cabeça.

Os sintomas dever estar presentes por mais de seis meses, sem qualquer outra explicação médica. Indivíduos com SFC dão conta de um nível substancialmente mais baixo de atividade  do que antes do inicio da doença, e muitos continuam trabalhando, frequentando a escola ou cuidando de si próprios ou de membros da família.

Causas comuns de fadiga crônica

  • Infecções por Cândida e outras doenças crônicas, muitas vezes causadas pelo uso excessivo de antibióticos, alergias alimentares, anemia, baixa taxa de açúcar no sangue e baixa função da tireoide.
  • Estresse excessivo
  • Distúrbio do sono
  • Depressão

Sintomas comuns associados á fadiga crônica

  • Febre ligeira
  • Dores frequentes na garganta
  • Gânglios linfáticos dolorosos
  • Fraqueza muscular
  • Dor muscular
  • Fadiga prolongada após o exercício
  • Dores de cabeça recorrentes
  • Dores migratórias nas juntas
  • Doenças neurológicas ou queixas psicológicas.
  • Sensibilidade à luz
  • Esquecimento
  • Confusão
  • Incapacidade de concentração
  • Irritabilidade excessiva
  • Depressão
  • Perturbação do sono (dormindo muito ou com insônia)

Se você estiver com os sintomas de fadiga crônica, faça um exame físico completo com o seu médico e uma avaliação minuciosa com um nutricionista. Além disso, a fadiga crônica pode também ser um efeito colateral de certos medicamentos, incluindo anti-histamínicos, medicamentos para pressão arterial, medicamento para atrite, medicamentos ansiolíticos, tranquilizantes e antidepressivos.

Fadiga Crônica – Causas e Sintomas!
Classificado como:            

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *