É tarde demais para tentar melhorar minha saúde”. Muitas pessoas pensam que seus hábitos são consolidados demais para que possam mudá-los e que, mesmo se o fizessem isso de nada adiantaria nessa altura da vida. Mas na verdade, seja qual for sua idade,Idoso saudável melhorar seus hábitos pode melhorar sua saúde. De nada adianta ficar lamentando o que você não fez por si mesmo no passado. Mas adianta muito – enormemente – pensar sobre o que você pode fazer no futuro.

Richard não se considera um idoso. E os que o viram tomar parte em competições de triatlo provavelmente também não o classificaram desse modo.

Aos sessenta e seis anos, ele vence na sua categoria nada menos que oito triatlos, às vezes terminando na frente de concorrentes com metade da sua idade. O triatlo incluem provas de quatrocentos metros de natação, seguidas imediatamente por vinte quilômetros de bicicleta em seguida por sua corrida de cinco quilômetros.

Um dos aspectos mais difíceis de um triatlo, segundo Richard, é o das transições, especialmente quando se tem de sair da água e pegar a bicicleta e seu equipamento. Porque o relógio não pára, “você tem que tentar ir o mais rápido possível”, diz ele.

“Havia cerca de duzentos competidores no ultimo triatlo em que tomei parte. Foi divertido descobrir que estava entre os mais velozes. Havia também uma mulher de oitenta e seis nos que revezou com seu filho de sessenta e dois anos”, conta Richard.

Ele não tem planos para diminuir o ritmo ou abandonar as provas de triatlo. “Acredito que a idade é apenas um número, e que é você quem faz sua vida.”

Pesquisadores da universidade de Case Wester Reserve chegaram à conclusão de que o aumento da frequência dos exercícios entre os que têm mais de setenta e dois anos melhora o estado geral da saúde, gera uma maneira mais positiva de encarar a vida e aumenta em vinte por cento o tempo de vida.

Nunca somos velhos demais para ter uma vida saudável

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *