Os riscos dos anabolizantes para a sua saúde

Quem não quer um corpo bonito?

Aumento da massa e força muscular, ser notado em vários lugares quando passa, chamar a atenção em lugares públicos, aumentar a auto confiança, a auto-estima… enfim, muitos querem isso!

Na atualidade, a predisposição a um corpo bonito e saudável está na concepção da maioria da população. Afinal, a imagem há muito tempo…é tudo!!

Alguns realizam seus sonhos de um corpo bonito com muito sacrifício, como horas na academia, um trabalho personalizado eficaz, dietas e regimes nutricionais, porém com saúde!

Outros, podem até realizar o mesmo método do exemplo acima, porém com o uso de esteróides anabólicos.

O uso do anabolizantes em excesso além de ser prejudicial a saúde, desperta nos homens os hormônios femininos, e vice-versa, levando à afinação da voz, em casos masculinos e engrossamento dela nas mulheres, o crescimento do peito e dificultando o crescimento de pelos, como barba, bigode e atrapalhando no desenvolvimento sexual.

1 – Efeitos colaterais dos anabolizantes nos homens:

a) Ginecomastia – Desenvolvimento das mamas nos homens;

b) Função sexual reduzida e infertilidade temporária;

c) Atrofia testicular – Como a maioria da massa do testículo tem com função o desenvolvimento do espermatozóide, o tamanho dos testículos geralmente retorna ao tamanho natural quando a espermatogênese recomeça, algumas semanas após o uso do esteróide anabólico ser cessado.

2 – Efeitos colaterais dos anabolizantes nas mulheres:

a) Pêlos do corpo crescem;

b) Voz fica mais grave;

c) Aumento do tamanho do clitóris (hipertrofia clitoriana);

d) Diminuição temporária nos ciclos menstruais.

Abaixo, alguns exemplos dos efeitos maléficos destes esteróides em ambos os sexos:

– Crescimento do clitóris (hipertrofia clitoriana) em mulheres e do pênis em meninos (o pênis adulto não cresce indefinidamente mesmo quando exposto a altas doses de andrógenos);

– Aumento dos pêlos sensíveis aos andrógenos (pêlos púbicos, da barba, do peito, e dos membros);

– Aumento do tamanho das cordas vocais, tornando a voz mais grave;

– Supressão dos hormônios sexuais endógenos;

– Espermatogênese prejudicada;

– Possível pressão sanguínea elevada;

– Níveis de colesterol – Alguns esteróides podem causar um aumento nos níveis de LDL (colesterol ruim)e diminuição nos de HDL (colesterol bom);

– Acne – Devido à estimulação das glândulas sebáceas;

– Conversão para DHT (Dihidrotestosterona). Isso pode acelerar ou causar calvície precoce e câncer de próstata;

– Alteração da morfologia do ventrículo esquerdo – que perde suas propriedades de diástole quando sua massa cresce;

– Crescimento excessivo da gengiva;

– O tamanho do coração;

– Acne;

– Alargamento da próstata;

– Alargamento do pênis;

– Amarelamento da pele e dos olhos;

– Do risco coronariano;

– Níveis de colesterol LDL ( colesterol ruim );

– Arritmia cardíaca;

– Aumento da pressão arterial;

– Câimbras;

– Câncer hepático;

– Cansaço;

– Cefaléia grave;

– Cistos renais;

– Comportamento agressivo (irreversível);

– Choque anafilático;

– Calvície (crescimento irreversível na mulher, reversível ao homem);

– Crescimento irreversível de pêlos nas mulheres;

– Crescimento anormal de cabelos;

– Diminuição grave dos níveis de colesterol HDL (colesterol bom);

– Dores ósseas;

– Edema (retenção hídrica no tecido);

– Ereções freqüentes e contínuas;

– Esterilidade irreversível);

– Escurecimento da pele;

– Hálito forte;

– Insônia;

– Náusea e vômitos freqüentes;

– Manchas na pele;

– Mulheres grávidas: dano irreversível ao feto;

– Pele oleosa na mulher;

– Perda de peso;

– Problemas para urinar;

– Sangramentos do nariz;

– Tumores hepáticos;

– Morte.

Diante de todos estes efeitos colaterais em homens e mulheres, surge uma pergunta relevante: Será que vale a pena?

Algumas academias e lugares particulares proporcionam com facilidade este tipo de esteróide anabólico. É importante saber que o uso deste medicamento é prejudicial à saúde, a curto ou a longo prazo.

Procure sempre um médico, um profissional de educação física e um nutricionista que realmente saibam o que você deve ou não realizar, afinal a auto medicação e alimentação podem trazer danos irreversíveis a você ou a quem você conhece!!

Lembre-se, a saúde é sua!! Cuide dela!!!

Prof. Especialista Alexandre Vieira

Prof. Universitário / Educação Física – Cref. 3.123

Pós-graduado em Bases Fisiológicas e Metodológicas do Treinamento Desportivo – UNIFESP

Contato: vieira76@ig.com.br

Fone: 11 – 9495-3181

Artigos Relacionados: